domingo, maio 06, 2007

A ceifa de ideias



Já desesperei, esperei, desisti, voltei... Tudo em tanto tempo, tudo em tão pouco. És tu ou serei eu?
Apaga-se a luz, acende-se... Não vale a pena forçar. Tu (inspiração), vens apenas quando queres e não quando tenho tempo para ti. Caprichosa! Ainda mais que eu...
Mas, faço-te a vontade... Espero por ti, mais uma vez.

Pic by_muratsuyur

3 comentários:

Freyja disse...

a veces desesperamos de tanto pensar, pero no apagues esa luz, ten paciencia
a veces esa espera tiene magia, solo que no duela esperar querida amiga
mil besitos y qu estes muy bien
un lindo fin de semana
muchos cariños


besos y sueños

mitro disse...

Esperar dói.

Lu@r disse...

Pensa no Lu@r e na luz que te envolve, sente a brisa que te toca ao de leve...

Fecha os olhos e absorve os sentidos que arrepiam o teu ser.

Agora, diz-me o que sentes...
diz-me o que vês além da imaginação.

Belo demais para descrever essa sensação, não achas?

Beijo-te nesse momento

PS: Desliga a luz.