segunda-feira, março 05, 2007

Sharyma



SINOPSE


Nevava em Tóquio. Passeava no parque, o seu refúgio por entre dias agitados e ruas movimentadas demais. A cidade parecia-lhe uma multidão de insectos horripilantes.

Nesse parque ela cresceu, sob a forma de uma rosa.
Um dia veio um jardineiro que lhe tocou com mãos delicadas. Foi regando-a com palavras, ajeitando-lhe as folhas com carinho e cheirando maravilhado as suas pétalas. Uma rosa rara sem espinhos, Sharyma. Encantou este homem com a sua doçura e pureza. Cabelos negros e lábios vermelhos...
Caminhava como se voasse, com a leveza sublime de uma pluma, com olhos brilhantes cheios de ternura. Não tinha cão, nem gato, nem sequer um peixinho dourado. Tinha o coração cheio de esperança e o pensamento cheio de sonhos. Sonhava com aquele charmoso jardineiro (mesmo antes de o conhecer), e os seus dias preenchiam-se entre o trabalho, os livros e aqule sorriso imaginário.
No meio de uma multidão, estava ela, a sorrir.
Naquele jardim, fora do cinzento da cidade mecanizada, ela aprendeu a ser feliz.




Pic by_kedralynn

2 comentários:

Anónimo disse...

Costumo vir cá à espera da continuação. Mas não tenhas pressa, que eu continuo a vir.
r.

Ana disse...

Estou a continuar... Obrigada pelas visitas.